Qntra.net: a toca do coelho

alice_in_wonderland_1_colors_by_bakanekonei-d4bexbw
©2011-2015 ToolKitten

Nos primórdios, minha fonte principal de notícias sobre Bitcoin era o Bitcointalk Forum. Mas eu cansei de lá. O formato do fórum, muita informação com uma dificuldade enorme de filtrar pérolas no meio de tanto lixo. Uma coisa meio doentia e confusa. Comecei então a usar o /r/bitcoin (Reddit) como fonte principal porque os melhores mais populares conteúdos são rapidamente selecionados pela comunidade e sobem para a página principal. Inclusive até muitas threads interessantes do próprio Bitcointalk. Toda vez que algum colega ou familiar me enviava algum link da mídia burra eu já tinha visto antes lá.

Foi então que no início de 2015 começaram a aparecer na primeira página diversas notícias e opiniões interessantes provindas de um site com um nome esquisito e a foto de um coelho curioso. Foi então que eu o segui e entrei na toca do coelho. A toca do coelho é o site de notícias e opiniões Qntra.net, mantido por “uma turminha do barulho muito louca e pirada”™.

Logo me apaixonei pelo site: simples, objetivo, com conteúdo inteligente e bastante provocativo, do jeito que eu gosto. Rapidamente se tornou minha fonte principal e séria de notícias sobre Bitcoin, que eu leio agora antes do Reddit.

Depois de alguns dias vi que no menu do site havia um link chamado “MPEx listing”, e pensei que esse site pudesse estar de alguma forma relacionado a famosa “exchanges das exchanges” MPEx do piradaço figuraça e ultra-polêmico Mircea Popescu. Fiquei muito curioso pra saber mais. Procurei as formas de contato e foi aí que descobri o canal do IRC #bitcoin-assets. É lá que se reúne a tal “turminha do barulho” e é lá que eles conspiram a favor do futuro do Bitcoin. O problema é que o canal é bastante restrito. Quer dizer, problema não, agora acho isso bom. É o perfeccionismo irritante do Mircea aplicado: somente pessoas com reputação suficiente podem pedir voz no canal para si mesmos, ou pessoas com voz podem dar voz às outras. Quem dá suporte a esse esquema é o “assbot”, um fork do bot gribble. Um mínimo deslize no canal e você vai para o limbo. Meu primeiro contato foi com o Bingo Boingo, um dos que escrevem no site. Encontrei seu twitter e provoquei-o: “por que só você e o assbot podem falar naquele canal?”. Eu esperava que ele fosse mais um seguidor fanático no estilo arrogante do Mircea e me desse alguma patada, mas me surpreendi quando ele me recebeu com um tapete vermelho e me explicou tudo: um sujeito anônimo porém muito gente fina. Ele me qualificou com +2 no OTC/gribble e +1 no assbot e comecei a ter o direito de pedir voz no canal. Ele então me orientou: “use esse privilégio com responsabilidade”. É claro que milhares de coisas começaram a borbulhar na minha cabeça, relembrando as sagas do Mircea (e sua suposta — ou seu alter ego — funcionária contratada de RP da MPEx) no Bitcointalk. Comecei a cavar e relembrar tudo, coisas que tinha lido há muito tempo atrás. Nessa relembrança, reli e li outras coisas interessantes, engraçadas, bizarras, brigas, palavras de amor e ódio e tudo mais. Já dentro do canal #bitcoin-assets, fiquei com vontade de perguntar tudo, começando por perguntas idiotas. Me contive e antes de perguntar algo, pesquisava antes para ver se conseguia entender sozinho. Permiti-me algumas vezes perguntar algumas coisas, e perguntando sobre como poderia participar do Qntra.net — sugerindo fazer uma pesquisa de rua no Brasil sobre a imagem do Bitcoin — já sofri uma esculachada épica de seus seguidores e depois do próprio Mircea em pessoa! Ele disse “good point” apenas sobre uma coisa que eu disse: “que não dá pra se confiar em nada que escrevem sobre bitcoin por aí, e é por isso que eu gosto de pesquisas inéditas e originais sobre o assunto, ou que eu mesmo possa verificar a fonte”. O resto ele esculachou.

No dia seguinte, o cientista chefe do bitcoin core mantido por esta Bitcoin Foundation, Gavin Andresen, apareceu no canal. Em meio à polêmica da sua proposta de aumentar gradativamente o tamanho dos blocos do Blockchain [1] [2] [3], onde essa “turminha do barulho” é claramente contra, ele começou perguntando: “como é que eu vou arruinar o bitcoin dessa vez?” — me intrometi e comecei a fazer algumas perguntas de forma educada, sendo uma delas: “quando foi a primeira vez que você arruinou?” — claramente minha empolgação com faíscas não podia durar muito ali naquela troca de mísseis e armamento pesado que iria se iniciar segundos depois das minhas perguntas. Foi então que recebi uma avaliação -1 por “snr penalty” que depois descobri ser ‘Signal to Noise Ratio’, algo como se eu estivesse interferindo negativamente (desviando o foco talvez?). Moral da história: agora eu não tenho mais “voz própria” no #bitcoin-assets. Se eu quiser dizer algo devo pedir pra alguém me dar voz temporariamente. O assbot apenas permite que as pessoas peçam voz a si mesmas com reputação > 0 em segundo grau, e agora tenho -2, o bingoboingo removeu sua qualificação, o usuário ben_vulpes me qualificou -1 dizendo “snr penalty” e o mircea_popescu -1 com “has a very strange idea of when it’s time to talk” [4].

A conversa (guerra) com o Gavin continuou ali (Mircea não estava presente senão seria pior) e eu ouvi argumentos razoáveis contra a proposta do aumento do bloco [5 see the full log here]. Isso me faz dar crédito a eles; eu gostaria de ter estudado o assunto mais profundamente e estar participando em mais alto nível ali, mas agora tudo que posso fazer é participar assistindo. A discussão nem foi tão técnica, ficou bastante na questão econômica. Me pareceu que Gavin se preocupa demais com o Bitcoin ser amplamente adotado (ele foi questionado por isso diversas vezes e não conseguiu responder adequadamente), querendo que o bitcoin seja popular e útil para micro pagamentos, enquanto o grupo contrário, a “turminha do barulho”, se preocupa mais com a integridade da rede, mantendo uma posição extremamente cautelosa e bastante preocupada com uma possível consequência catastrófica após esse hard-fork.

Lendo depois os logs do chat quando eu não estava mais presente, entendi porque o Mircea se irritou de vez comigo:

felipelalli: but I also found too aggressive the numbers of Gavin. And why do you guys hate Gavin? << you will benefit from reading the logs, also googling “site:trilema.com gavin” might help.

É óbvio que eu sabia porque eles odeiam o Gavin. Assim como o Mircea, eu também sou perfeccionista e não iria perguntar isso sem antes ter pesquisado. Foi apenas uma provocação, ao próprio estilo dele, para que eles pudessem explicar ali explicitamente e dar contexto aos que assistem a discussão de fora. Uma pena que ele não entendeu. Ou me subestimou, ou não é tão esperto quanto ele acha que é.

Bom, eu sabia que isso poderia acabar assim, mas explorei até onde pude. Pensei até que eles pudessem ser um pouco mais tolerantes, pela forma como o Bingo Boingo me recebeu tão bem. Mas como imaginava inicialmente, o estilo elitista do Mircea impera ali, e os que chegam de fora tem pouca chance. Não é a toa que muita gente acha o Mircea um verdadeiro babaca, mas ele não está nem aí, continua com seu estilo áspero e seleto. Ele tem sua personalidade e não gosta de melindres.

E não sou eu que vou ficar melindrando, também não jogo esse jogo. Acho que ele e seus seguidores se preocupam honestamente com o futuro do bitcoin e eles tem muito a acrescentar, isso que importa. Acho que as pessoas que trabalham com bitcoin deveriam se envolver mais com o andamento e desenvolvimento do projeto, com decisões técnicas e políticas, e deveriam acompanhar esse canal, e se manterem sempre abertos a argumentos e posições diferentes. Eles criaram até esse curioso projeto: http://thebitcoin.foundation/ com o objetivo de desfazer e/ou polir coisas que eles acham prejudiciais ao bitcoin e que foram implementadas na era Gavin.

Então minha dica é: vá com calma. Pise em ovos. Assista muito, leia muito, aprenda muito antes de querer participar ativamente e sair perguntando tudo, especialmente se for curioso como eu. Uma reputação negativa é difícil de reverter, precisa ser bem convencida. Aprenda a usar GPG direito, OTC WoT, leia Qntra.net, pague e leia o blog do dito-cujo http://trilema.com/, assine e acompanhe o canal #bitcoin-assets. Vale a pena!

3 comentários sobre “Qntra.net: a toca do coelho

  1. É claro que milhares de coisas começaram a borbulhar na minha cabeça, relembrando as sagas do Mircea (e sua suposta — ou seu alter ego — funcionária contratada de RP da MPEx) no Bitcointalk.

    The stuff all good conspiracy theories start with – she’s one on the right in the 2nd picture.

    Uma pena que ele não entendeu. Ou me subestimou, ou não é tão esperto quanto ele acha que é.

    That’s not what happened there. What happened there was this :

    davout: “if you want to come in #bitcoin-assets and argue a bit your proposal, a bunch of folks would be interested” <<< let's see how that goes
    davout: "can’t right now, have a lunch meeting. Happy to another time"
    mircea_popescu: no it's perfect, i have a lunch meeting too.
    mircea_popescu: ima be back in ~3 hours.
    mircea_popescu: would have been a shame to miss all this.

    Then derp waited a little to be sure I was actually gone and showed up. To no end of everyone’s amusement.

    Now, in this context, where a clearly hostile party is looking to buy legitimacy, giving it away to them in the form of cheap interaction is not going to impress anyone. Guy was there to pretend like the participated in b-a, and for that pretense only. Turns out half of his “participation” is spurious interaction with some guy that showed up last week (you). That’s not someone you want to be.

    Anyway, neither positive nor negative reputation is difficult to reverse, except for certain sorts of people. Which is the whole point.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s